Preenchendo as frestas

Bela Hümmelgen
Jun 22, 2022

La connaissance poétique naît dans le grand silence de la connaissance scientifique (Aimé Cesaire).

Às vezes é preciso preencher as frestas. Como pintar de vermelho o canto entre duas paredes brancas. Como rechear de chocolate duas bolachas de água e sal. É mais ou menos como me sinto quando deixo meus pensamentos wander away de suas caixinhas. Preenchendo as frestas entre elas, tentando um estilo que não deveria estar ali mas que faz todo o sentido que esteja justamente ali. Preciso das frestas porque não posso me desfazer das caixinhas.

22.06.2022 — Wien, reflexões no metrô

--

--

Bela Hümmelgen

Brazilian, red, feminist, bi+poly, vegan, saggitarius. Current LLM in Human Rights (Austria). MA in Gender Studies (UK/Spain). Bachelor of Law (Brazil).